quarta-feira, 24 de maio de 2017

Auxiliar de serviços gerais é preso suspeito de facilitar fuga de custodiados em São Mateus


A Polícia Civil por meio da delegacia de São Mateus, conseguiu cumprir na manhã desta quarta-feira (24), mandado de busca e apreensão e prisão preventiva em desfavor do auxiliar de serviços gerais que prestava serviços na Unidade de Polícia Judiciária de São Mateus, Mauro Lúcio Alves,

Informes do delegado Daniel Moura, relata que durante a madrugada do dia 01 de maio do corrente ano, houve uma fuga ocorrida nas dependências da Unidade de Polícia Judiciária do Município. Após investigações foi apurado que Marcos havia colocado um pedaço de serra em uma das celas da unidade, o que teria facilitado a fuga de cinco custodiados.  

Diante do resultado das averiguações, o Juízo da Comarca de São Mateus deferiu a representação das medidas cautelares, contra o investigado.

Vale ressaltar que durante o cumprimento do mandado foi encontrado na residência de Mauro um revolver calibre .32 e munições. 

Polícia Civil prende responsável por envolvimento na fuga de presídio em São Luís


Uma mega operação foi desencadeada no início da noite desta terça-feira (23), por volta das 16:00hs, envolvendo a Polícia Civil do Maranhão culminando na prisão de um criminoso envolvido na fuga dos internos de Pedrinhas, neste domingo (21). Durante o confronto houve disparos de armas de fogo, onde Leonilson dos Santos Nascimento, o “Codó”, fora preso, e dois criminosos alvejados. Os dois atingidos foram identificados por Ronalth Correa Coelho, 36 anos, e o Valdemir Laurindo Flores, 41 anos, “O Baleado”. Eles não resistiram ao ferimentos, ao darem entrada no hospital de emergência.

A operação contra os criminosos fora iniciada por meio de uma denúncia anônima, mediante uma ligação telefônica encaminhada aos policiais da Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico (Senarc), onde informava que parte do dos criminosos foragidos da Penitenciária de Pedrinhas, estavam no bairro da Vila Conceição. Em prosseguimento fora montada a mega operação com o apoio da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (Seic), onde os suspeitos foram localizados e cercados no bairro da Vila Conceição. Dentre eles, Leonilson dos Santos Nascimento, o “Codó”, acusado de ter organizado e comandado o resgate no presídio de São Luís.


O Superintendente adjunto da Senarc, Valdenor Viegas que integrou a força tarefa informou acerca da ação contra os acusados, que “Os bandidos revidaram, ocasionando em uma troca de tiros. Durante a ação, dois investigadores foram atingidos nas mãos. Um novo cerco foi montado e houve novo confronto, onde os criminosos se homiziaram para uma outra residência, localizada no mesmo bairro. Os policiais cercaram a residência e em novo confronto, foram alvejados o Ronalth Correa Coelho, o “Bebezão”, que era também chefe da quadrilha, o Valdenir Laurindo Flores. Em sequência, o criminoso identificado por Leonilson dos Santos Nascimento, o “Codó” teria feito reféns e os ameaçando de morte. Após uma negociação envolvendo os policiais da Seic e Senarc, o Codó, teria se rendido, largado os reféns e deixado atrás de si, uma pistola municiada”, destacou.

O delegado Valdenor Viegas ressaltou ainda acerca da Operação, que “Os criminosos são todos de altíssima periculosidade. Tão logo recebemos a ligação anônima, caímos em campo, ocasionando na prisão de um dos líderes dessa quadrilha. A ação resultou na morte de dois deles e na fuga de outros três”, pontuou o delegado.

Apreensão e passagens por assaltos às agências bancárias

Com os criminosos foram apreendidos um fuzil 556, que fora utilizado no resgate do presídio neste final de semana, uma pistola 9mm, um revólver e diversas munições deflagradas. O Superintendente da Seic, o delegado Tiago Bardal informou, “Que a partir da fuga do Complexo Penitenciário de Pedrinhas, onde fugiram diversos detentos, fora iniciada tão logo, uma investigação contra os criminosos. As investigações apontavam que parte dos foragidos estavam escondidos no Bairro da Vila Conceição. O Ronalth Correa Coelho, o Bebezão, era do Goiás, com passagem de assalto a banco no Goiás, Tocantins e Maranhão, e o Valdenir Laurindo Flores, natural de alagoas, assaltante de banco e já fora preso no Piauí, Tocantins e Maranhão, e foragido de Pedrinhas, desta última fuga. O Leonilson dos Santos Nascimento, o Codó, tem passagem por assalto a banco em diversos estados”, considerou.

Os dois policiais da Senarc atingidos nas mãos pelos disparos dos criminosos foram encaminhados para hospitais de emergências na cidade, passaram por pequenas cirurgias, e estão fora de perigo. O criminoso Leonilson dos Santos Nascimento, o “Codó”, fora encaminhado para a Seic, ouvido pelos delegados e autuado em flagrante. As investigações continuarão no sentido que o restante do bando foragido da penitenciária sejam recapturados. A Operação ocasionada no bairro da Vila Conceição contou ainda com o apoio do Centro Tático Aéreo (CTA), e da Polícia Militar.

terça-feira, 23 de maio de 2017

PM’s da Rotam prendem dupla que assaltava ônibus na cidade de Matinha


Policiais militares da Ronda Ostensiva Tático Móvel (ROTAM) prenderam no início da tarde de segunda-feira (22), na rodovia MA 014, nas proximidades do Povoado Xulanga,  na cidade de Matinha (MA), Lucas Rafael Sena (18) e Otávio Silva Muniz (24). 

Eles foram detidos quando estavam assaltando os passageiros do ônibus intermunicipal que faz linha São Luis/ São Joao Batista. Com a dupla foi aprendido um revólver calibre 32, uma arma de fabricação caseira (garruncha) e a quantia de 308 reais, referente a renda do ônibus.


Segundo os militares, a guarnição deparou-se com um ônibus intermunicipal, ao passar pela viatura o motorista fez um sinal de luz e de pronto os militares acompanharam o veículo. 

A equipe de policiais identificou que o ônibus estava tomado por assaltantes que estavam mantendo os 37 passageiros como reféns e obrigando o motorista a dirigir até uma estrada vicinal, no povoado de Xulunga, onde pretendiam saquear o coletivo. 

Os PM’s conseguiram interceptar o ônibus e após negociação fizeram com que os suspeitos se rendessem e liberassem todos os reféns sem ferimentos.

Polícia Civil prende dupla envolvida em arrastão seguido de roubo em São José de Ribamar


A Polícia Civil na tarde desta segunda-feira (22), por meio da delegacia especial de São José de Ribamar em consoante com o 13° BPM, efetuou a prisão em flagrante delito dos nacionais Alan Dias Cabral (21), o “Macaco” e Jefferson Luís Silva Santos (22), o “Duque”, pelo crime de roubo, no município.

De acordo com o delegado Jader Alves, na última sexta-feira (19), houve um arrastão em quatro residências seguido de roubos no Residencial Nova Terra/ Nova Era, sendo saqueadas por seis homens portando armas de fogo curtas e longas.

Após inquirições as vítimas e testemunhas reconheceram a dupla pois, usavam as mesmas roupas no ato do crime. As armas e os objetos levados por eles não foram localizados, o restante do bando já foi identificado. Vale ressaltar que os atuados possuem passagem por crimes similares e pertencem a uma facção criminosa. 

AS POLÍCIAS FEDERAL, CIVIL E MILITAR EM AÇÃO CONJUNTA, RESULTA NA PRISÃO DE POLICIAL REFORMADO POR CRIME DE HOMICÍDIO


A Secretaria de Segurança Pública do Maranhão apresentou na manhã desta segunda-feira (22), por volta das 10:00h, no Auditório Leofredo Ramos, o militar reformado Francisco da Silva Sousa, conhecido por “Da Silva”, 58 anos. O acusado é suspeito de envolvimento na prática do homicídio, do ambientalista Raimundo dos Santos Rodrigues, popularmente conhecido como “Dos Santos”. O acusado Da Silva, ainda tentou contra a vida da esposa do ambientalista, Maria da Conceição Chaves Lima.
Na coletiva de imprensa foram repassadas as ações acerca da prisão do militar reformado “DA Silva”, pelo crime de homicídio e tentativa de homicídio. 
A sua prisão aconteceu por conta de um cumprimento de Mandado de Prisão Preventiva, expedido pelo Juiz Federal da Segunda Vara Criminal, da Seção Judiciária do Maranhão. A investigação acerca do crime efetivou-se por meio da Polícia Federal, e a prisão de forma integrada entre as Polícias Civil, por intermédio da Superintendência Estadual de Investigações Criminais (SEIC), e Polícia Militar, pela DIAE; resultando na sua prisão, na cidade de Açailândia.

De acordo com as informações repassadas na coletiva, o crime aconteceu no dia 25 de agosto de 2015, por volta das 17:00h, onde o ambientalista Raimundo dos Santos Rodrigues foi vítima de homicídio. Ele foi morto por meio de arma de fogo e ainda a golpes de arma branca. A ação criminosa foi realizada nas imediações da sede da fazenda Santa Bárbara, situada no povoado Rio das Onças, Zona rural do Município de Buriticupu-MA.
O casal estava abrigado na área da Reserva Biológica do Gurupi, sob a administração da Autarquia Federal Icmbio (Instituto Chico Mendes). 
Na ocasião da morte do ambientalista, a vítima estaria acompanhada de sua cônjuge, Maria da Conceição Chaves Lima, que também foi alvejada por projéteis de arma de fogo, mas a mesma teria resistido aos disparos.
As vítimas, desde o ano de 2013, estavam atuando como conselheiros consultivos da Reserva Biológica do Gurupi. Os crimes foram investigados, como advindos de conflitos agrários, envolvendo fazendeiros e madeireiros da região do município de Buriticupu. 
Durante as investigações foi descoberto, que o militar reformado Francisco da Silva Sousa, o “Da Silva” é considerado o líder de um grupo de extermínio, que age na região. As investigações continuarão, no sentido de descobrir os outros envolvidos nesta ação criminosa.
Ação criminosa advindo de conflitos agrários
Durante a coletiva, o delegado da Polícia federal, Júlio Sombra ponderou acerca do crime, que o crime teve motivação, por causa de conflitos por terras “As informações dão conta, que um fazendeiro da região, seria o mandante do crime. O fazendeiro teria contratado o Francisco da Silva Sousa, o “Da Silva”, para executar o ambientalista Raimundo dos Santos Rodrigues, o “Dos Santos”. O criminoso está sendo investigado ainda, pela prática de outro homicídio na região”, finalizou o delegado da Policia Federal.
Presente também, o Delegado Geral de Polícia Civil, Lawrence Melo, indagou, que “O ambientalista estava de certa forma, incomodando as ações dos fazendeiros na região. O Dos Santos estava sendo visto pelos fazendeiros, como uma pessoa que estava atrapalhando as disputas de terras na região. 
O Secretário de Segurança Pública Jefferson Portela ressaltou, que “O trabalho de investigação da Polícia Federal e a prisão por meio da Seic e da Polícia Militar foi realizado no combate às ações criminosas na região”. 
Após a as investigações, o autor foi descoberto e cumprido o Mandado de Prisão pela 2ª Vara por meio da Instância Federal”, concluiu o secretário de segurança.
O Superintendente Estadual de Investigações Criminais, o Delegado Tiago Bardal finalizou informando, que o criminoso estava sendo investigado pelos crimes descritos, sendo então identificado e preso em uma ação conjunta envolvendo a SEIC e a Policia Militar. Após ser preso, o acusado foi encaminhado ao Comando Geral da PMMA onde permanecerá à disposição da Justiça.

segunda-feira, 22 de maio de 2017

Idosa tem os braços quebrados pelo próprio filho em Chapadinha


Por volta das 09:00 horas de ontem (21/05/2017), a equipe de Força Tática foi informada de que na Travessa João Lopes, no bairro Aparecida, um filho havia agredido a sua genitora, ao chegarem no local os Policias Militares constataram a veracidade da denúncia, onde Ediones Alves dos Santos, 36 anos de idade, havia ameaçado e agredido a sua genitora, o que resultou em fraturas nos braços direito e esquerdo da vítima.

O acusado foi preso em flagrante por ameaça e agressão física, a vítima levada ao Hospital para os primeiros socorros, onde foi constatado as fraturas em seus braços. Ediones Alves dos Santos, foi conduzido e apresentado no plantão central da delegacia de Polícia Civil de Chapadinha, para conhecimento e as providências que o caso requer.

Veículo roubado em Goiás e apreendido pela Polícia Civil em São Bento.

A Polícia Civil, por intermédio da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Veículos (DRFV), vem intensificando o combate de repressão e apreensão de veículos roubados no estado do Maranhão.

Durante o fim de semana foram realizadas diligências no município de São Bento, onde foram apreendidos duas motocicletas roubadas e uma caminhonete de marca Nissan Frontier, de cor prata, que estava clonada, na ocasião com a placa PAD 8466 do Distrito Federal.

Após verificações foi constatado que o carro acima citado na verdade se trata de uma Frontier de cor branca, de placa PQG 8993 que foi roubada no estado do Goiás em março de 2016.

Este é resultado de mais uma etapa de uma operação que se iniciou no começo deste ano após constatação que parte dos veículos roubados na capital são levados para o interior onde são vendidos ou desmontados.