quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

Estádio do Corinthians é a arena mais cara de todas aberturas de Copa desde 98


Arena de Itaquera tem valor superior a estádios de Paris, Seul, Munique e Johannesburgo

O estádio do Corinthians que está sendo construído no bairro de Itaquera e que vai abrir a Copa do Mundo de 2014 é o mais caro em relação ao palco de abertura dos últimos quatro Mundiais. Um levantamento do Portal da Copa, aponta que cada assento da Arena Corinthians custará R$ 17,1 mil. Valor superior ao gasto nos estádios de Paris, Seul, Munique e Johannesburgo nas últimas Copas.

O valor foi obtido a partir do número de assentos previstos no projeto inicial sem a implantação das estruturas provisórias. A previsão de gastos é de R$ 820 milhões para a construção de 48 mil lugares. A arquibancada removível, com 20 mil cadeiras, orçada em R$ 35 milhões, não será mantida após o Mundial.

O estádio que mais se aproxima do valor gasto em Itaquera é a Allianz Arena. O estádio de Munique, inaugurado em junho de 2005, custou R$ 918 milhões. Como tem 66 mil lugares, cada um saiu a um preço de R$ 13,9 mil. Em 1998, o Stade de France, onde o Brasil venceu a Escócia por 2 a 1 na abertura daquela Copa, custou R$ 900 milhões ou R$ 11,1 mil por cada um dos 81 mil assentos.

O Soccer City, em Johannesburgo, e o Sang-am, em Seul, saíram bem mais baratos na relação preço total/assentos. No estádio da Copa de 2010, com capacidade para 94 mil pessoas, cada lugar custou R$ 8,9 mil  dos R$ 840 millhões gastos na obra. Em 2002, na Coreia do Sul, cada cadeira custou R$ 5,9 mil. O estádio que recebeu Senegal e França na abertura daquela Copa tem capacidade para 67 mil pessoas.

O valor que seria gasto nos 12 estádios da Copa sofreu uma inflação entre o anúncio do Brasil como sede, em 2007, e as mais recentes estimativas. Os gastos anunciados inicialmente seriam de R$ 2,3 bilhões e hoje já batem nos R$ 7,03 bilhões, um acréscimo é de 205%.

Depois da Arena Corinthians, os assentos mais caros da Copa são os instalados no Mané Garrincha (R$ 14,3 mil), seguido por Fonte Nova, Arena da Amazônia e Arena Pantanal (R$ 11,8 mil). Mineirão e Maracanã custarão R$ 10,7 mil por lugar. O Castelão, já reaberto, saiu por R$ 9,4 mil por lugar. A Arena das Dunas, em Natal, tem valor previsto por cadeira em R$ 7,8 mil. Arena da Baixada sairá por R$ 5,6 mil e o Beira-Rio por R$ 5,5 mil.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.