segunda-feira, 11 de março de 2013

Menino de oito anos se casa com mulher 53 anos mais velha após pedido de parentes mortos

Um casamento chocou uma aldeia da África do Sul na última semana. Em Tshwane, um menino de oito anos de idade se casou com uma mulher de 61, após supostamente ter recebido ordens de seus parentes mortos. A mulher, Helen Shabangu, já era casada e tem cinco filhos.

 O garoto, que se chama Sanele Masilela, disse ter recebido ordens de seus antepassados para se casar. Sua mãe, temendo um castigo divino, concordou com a cerimônia. Ela pagou 500 libras (cerca de R$ 1.400) para a noiva e mais 1.000 libras (quase R$ 2.900) para organizar o casamento. As informações são do tabloide britânico Daily Mail.

  Usando uma gravata borboleta e um pequeno terno, o menino trocou alianças e até um beijo com a mulher. A mãe de Sanele, Patience, disse que o casamento era apenas um ritual, sem nenhum valor jurídico, e que foi um pedido do avô do garoto. Foi o menino quem escolheu Helen para ser sua noiva, porque gostava dela.


 Questionada pela imprensa, a mãe de Sanele (na foto) disse que o casamento fez o filho "feliz". "Ele estava animado com a cerimônia e era o que ele queria", declarou. O menino não vai viver com a esposa. Após a cerimônia, os dois voltarão a ter sua vida normal. Patience também disse que espera que seu filho se case com uma mulher da sua idade quando for o tempo certo.

R7

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.