sábado, 30 de março de 2013

Secretário garante término das obras do novo presídio em 90 dias


(Sebastião Uchôa com o delegado Assis na Delegacia Regional de Imperatriz )
 
O Secretário de Justiça e da Administração Penitenciária (SEJAP), Sebastião Uchôa, esteve nesta quinta-feira (28) em Imperatriz, onde vistoriou as obras do novo presídio.

Além dessas obras, Sebastião Uchôa visitou a Unidade Prisional de Ressocialização de Davinópolis (UPRD), Unidade Prisional de Ressocialização de Imperatriz (UPRI), Delegacia Regional e Casa do Albergado. Em Açailândia, o secretário visitou a Delegacia Regional.

Sebastião Uchôa garantiu que o novo presídio de Imperatriz terá o seu término de obra em 90 dias. Como o mês de março já está no fim, o novo presídio, com o prazo, será entregue no fim de junho.
“É o prazo para finalizarmos o concurso, comprarmos a mobília e terminar a obra. Nesse período, também, já foi acertado com a Secretaria de Infraestrutura a construção da estrada de acesso ao presídio”, afirmou Uchôa.

Iniciada em agosto de 2009, com prazo de um ano para terminar, o novo presídio está sendo construído há mais de 4 anos. Cinco prazos de inauguração dados pelo secretário anterior foram extrapolados.

Num valor total de R$7,5 milhões, em função de um aditivo posterior de R$ 500 mil, toda a estrutura da obra já foi erguida, mas ainda falta as instalações elétricas, hidráulicas, cobertura da área de lazer e acabamento.

A obra, que começou no segundo semestre de 2009, tinha prazo de entrega de um ano e já teve cinco prazos adiados.

Quando estiver pronto, o novo presídio de Imperatriz contará com 18 celas com capacidade para 240 pesos.

O encontro entre o secretário Sebastião Uchôa e o delegado regional Assis Ramos aconteceu no fim da tarde de ontem. Sebastião Uchôa informou ao delegado Assis que mais dois agentes penitenciários virão para a Delegacia Regional a partir de segunda-feira.

“Estamos trabalhando para que em um espaço de tempo curto, não tenha mais nenhum preso de justiça em delegacias do Maranhão”, disse Uchôa.
 
Fonte: J.Progresso

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.