quinta-feira, 9 de maio de 2013

Presas suspeitas de comandar ponto de venda de drogas em Imperatriz

Mãe e filha estavam com 64 pedras de crack e dinheiro.

Boca de fumo que funcionava no bairro Nova Imperatriz 



Mãe e filha são presas suspeitas de comandar um ponto de venda de drogas, em Imperatriz. Com as mulheres, a Polícia Civil apreendeu 64 pedras de crack e dinheiro.
A prisão aconteceu por volta das 15h00. De acordo com a polícia, a boca de fumo que funcionava no bairro Nova Imperatriz era comandada por Maria Luisa de Sousa Lima, de 54 anos de idade e a filha dela, de 32 anos, que está grávida.
Na residência, a polícia encontrou 64 pedras de crack, pontas para serem vendidas e oito pedras em tamanho maior, em dinheiro foram encontrados aproximadamente R$ 1.200,00.
A droga estava escondida em vários pontos da casa, inclusive no sofá. Mãe e filha não tem passagem pela polícia e vão responder por tráfico de drogas, se condenadas podem pegar de cinco a 15 anos de reclusão. De acordo com o delegado regional o número de mulheres comandando o tráfico na região vem aumentando nos últimos anos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.