quarta-feira, 10 de julho de 2013

Aged capacita órgãos para fiscalização em barreiras














A Agência Estadual de Defesa Agropecuária do Maranhão (Aged), órgão vinculado à Secretaria de Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Sagrima), realizou, esta semana, no Auditório da Procuradoria Geral do Estado, em São Luís, a capacitação de representantes de instituições parceiras para a fiscalização, transporte, fabricação e comercialização de produtos de origem animal e também no reconhecimento de documentos zoosanitários falsificados. 

O treinamento, que foi ministrado por técnicos da agência agropecuária, aconteceu depois do alinhamento de um termo de cooperação técnica entre as instituições, com o objetivo de auxiliá-las no processo de fiscalização em barreiras volantes no estado.

Participaram do treinamento representantes do Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA), das Polícias Militar, Ambiental, Rodoviária Estadual e Federal, Promotoria Pública e da Gerência de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon-MA)

A Policial Rodoviária Federal Helen de Sousa Maia, que participou da capacitação, enfatizou que as informações recebidas serão de grande importância para seu trabalho a partir de agora. 

"Foi importantíssimo saber que durante a fiscalização de uma documentação como a GTA (Guia de Trânsito Animal), por exemplo, deverá ser exigido o documento original e não uma cópia, e mais ainda, me sinto um agente multiplicador, com capacidade para passar essas e outras informações aos demais colegas" afirmou a policial.

A diretora de Defesa e Inspeção Sanitária Animal da Aged, Margarida Prazeres, falou do objetivo desta capacitação.  "A intenção foi ampliar o conhecimento das instituições acerca da abrangência do serviço de defesa agropecuária e despertá-los quanto à necessidade das ações de fiscalização, no intuito de proteger o patrimônio agropecuário estadual e salvaguardar a saúde pública", explicou a diretora.

O diretor geral da Aged, Fernando Lima, destacou o quanto é necessário que essas instituições estejam ainda mais preparadas no cumprimento de suas funções. "Realizamos este treinamento com a intenção de aprimorar o conhecimento de cada instituição parceira, para quando estiverem lidando com eventuais ações de irregularidades", destacou Fernando Lima.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.