quarta-feira, 2 de outubro de 2013

Polícia investiga assalto à agência do Banco de Brasil de Buriticupu

A 7ª Delegacia Regional de Santa Inês já iniciou as investigações para identificar o grupo responsável pelo sequestro do gerente do Banco do Brasil, da cidade de Buriticupu, fato ocorrido na noite de terça-feira (1º).

De acordo com informações policiais, seis homens encapuzados teriam, por volta das 21h, abordado o gerente do BB, no momento em que ele retornava para a sua residência localizada no centro da cidade.

Na residência estava a esposa, filha e sobrinha do gerente. Eles foram feitos de reféns no local até às 10 horas desta quarta-feira (2), horário de abertura da agência.
A Polícia já descobriu que três integrantes do grupo se dirigiram com o gerente, no próprio carro da vítima até o banco. O restante do bando se dirigiu com os outros integrantes da família à saída da cidade de Buriticupu.

O bancário desceu sozinho do veículo e retirou o dinheiro do cofre da agência. O trio junto com a vítima seguiu até a cidade de Santa Luzia do Tide, onde o gerente foi liberado. Ainda de acordo com informações policiais, assim que o gerente entregou o dinheiro, a família também foi liberada.

Após serem liberados, a família acionou a polícia que deu início imediatamente as diligências a fim de capturar os suspeitos. Policiais militares da 5ª Companhia Independente continuam em diligências a fim de localizar o bando.

A investigação está sob a responsabilidade do delegado Valter Costa, titular da Regional de Santa Inês. O gerente e a esposa já prestaram depoimento na delegacia.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.