segunda-feira, 30 de dezembro de 2013

Prefeitura de Bequimão recebeu mais de R$ 20 milhões do governo federal em 2013

Durante o ano de 2013, a Prefeitura de Bequimão recebeu do Governo Federal mais de R$ 20 milhões para serem investidos no município.
FPM e FUNDEB 2013
Transferências federais (FPM, ITR, LC 87/96, CIDE, FNDEB) repassadas à Bequimão/MA em 2013
Conforme pode ser verificado na tabela acima, somente este ano, o valor total repassado pelo Governo Federal à Prefeitura de Bequimão,  concernente ao FPM, ITR, LC 87/96, CIDE e FUNDEB,  equivale a quantia de R$ 18.380.640,19 (dezoito milhões trezentos e oitenta mil seiscentos e quarenta reais e dezenove centavos).
Desse valor total recebido pela Prefeitura R$ 8.670.471,14 (oito milhões seiscentos e setenta mil quatrocentos e setenta e um reais e catorze centavos) se referem ao repasse do FPM (Fundo de Participação dos Municípios) e R$ 9.700.238,76 (nove milhões setecentos mil duzentos e trinta e oito reais e setenta e seis centavos) correspondem ao valores recebidos do repasse do FUNDEB (Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e Valorização dos Profissionais da Educação).
Dinheiro recebido pela Prefeitura de Bequimão correspondente ao Fundo Nacional de Saúde
Dinheiro recebido pela Prefeitura de Bequimão correspondente ao Fundo Nacional de Saúde
Outro recurso recebido pela Prefeitura de Bequimão para investimento especificamente na área da saúde do município foi o valor atinente à transferência efetuada pelo Ministério da Saúde por meio do Fundo Nacional da Saúde. No decorrer deste ano de 2013, de acordo com a planilha acima, a Prefeitura de Bequimão recebeu do Governo Federal a importância de R$ 2.645.032,16 (dois milhões seiscentos e quarenta e cinco mil trinta e dois reais e dezesseis centavos).
“É importante informar que receita da Prefeitura não é somente essa. O município ainda recebe repasses do governo estadual e também possui sua própria arrecadação, além dos convênios que celebra com os governos federal e estadual”, afirma o vereador Elanderson (SDD), para em seguida questionar:  ”Agora a pergunta que não quer calar: Aonde está todo esse dinheiro???”

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.