sexta-feira, 7 de fevereiro de 2014

Matriz de São Vicente de Férrer foi assaltada e a policia não sabe como enfrentar viciados em drogas

Mais uma vez a Matriz de São Vicente de Férrer perdeu bens do seu patrimônio para bandidos.
Não é só na capital que os templos católicos estão sendo arrombados e furtados. No município de São Vicente de Férrer, pela segunda vez a matriz perdeu vários dos seus bens moveis para bandidos. Eles entraram na casa do Povo de Deus, pelo telhado e depois de arrombarem portas conseguiram levar um microfone sem fio, um kit de aparelho de dvd, lâmpadas de emergência, um micro sister, um ventilador de pé e uma sanduicheira. Ao sair, eles deixaram as portas do templo aberta. O fato ocorreu à noite e no dia seguinte o alarme foi dado, tendo o pároco padre Antonio Rodrigues se dirigido à delegacia de polícia da cidade para fazer o registro do fato.

    Os policiais encarregados de fazer a investigação deixaram claro, que a ação deve ter sido dejovens viciados em drogas e que os objetos devem estar com traficantes ou seus agentes. A verdade é que um dos maiores problemas existentes no município de São Vicente é o aumento assustador de viciados em drogas e em consequência os assaltos e furtos tomaram dimensão intolerável, em razão da falta de politicas sociais visando o enfrentamento de uma realidade que toma rumos incontroláveis. 

Infelizmente é um mal muito perverso para a sociedade e desolador para as famílias dos viciados. A visão distorcida do poder público,e até mesmo movido por interesses é que o enfrentamento proposto é com viaturas e policiais. Será se tivéssemos uma educação e uma saúde digna, capacitação profissional para jovens, geração de emprego e renda, uma agricultura familiar com assistência a realidade não seria outra?  Se houver possibilidades de interesses políticos e negociatas com projetos, com certeza o governo estará dentro do contexto, em caso contrário é melhor esperar os resultados maléficos e o crescimento cada vez maior da população carcerária. Infelizmente, não vemos vereador, deputado estadual e federal, senador, governador e presidente preocupados com essa desgraça social que são as drogas, muito embora a problemática esteja dentro da casa de muitos deles e de vez em quando alguns casos chegam até a mídia.

Diante dos sérios perigos que estão crescendo em São Vicente, os movimentos sociais devem se organizar dentro da comunidade para promover debates em torno do fato e se posicionar politicamente. A droga que destrói a vida da família do meu próximo, será a mesma que poderá chegar à minha porta amanhã. É um problema sério, que só o Poder Público não vê.
RETIRADO DO BLOG ALDIR DANTAS

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.