quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Preso em São Luís dono da rede social Sudbook

A polícia prendeu na manhã desta quarta-feira (26),  no aeroporto Marechal Cunha Machado, em São Luís, um dos sócios da rede social Sudbook, Luís Antônio Santos.
De acordo com informações de um policial, ele está está sendo encaminhado neste momento para a Delegacia de Defraudações.

A empresa é acusada de aplicar um golpe milionário em cerca de 50 milhões de investidores. Sudbook é uma empresa que funcionava como pirâmide financeira,  onde as pessoas investiam com promessas de retorno de 80 a 100%.
A prisão temporária foi decretada pelo juiz da 1ª Vara Criminal de São Luís, Francisco Ronaldo Maciel. Além de Luís Antônio, outros três sócios tiveram a prisão temporária decretada. Em São Luís, pelo menos 100 pessoas teriam sido vítimas de golpes.
De acordo com o relatório da Polícia Civil, os clientes foram lesados em mais de R$ 20 milhões. Além da prisão, o magistrado determinou que fossem realizadas outras medidas cautelares de caráter sigiloso.
DO JP

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.