segunda-feira, 14 de abril de 2014

Operação Semana Santa detecta irregularidades no peso de pescados

Fiscais do Instituto de Metrologia e Qualidade Industrial do Maranhão (Inmeq-MA) constataram diferenças de peso que variam de 5 a 10 gramas em embalagens com camarões e peixes vendidas em supermercados de São Luís.

A fiscalização faz parte da Operação Semana Santa, realizada pelo órgão no período de 24 de março a 4 de abril, em São Luís. O objetivo foi verificar a regularidade quanto ao peso de produtos embalados e pesados consumidos durante esta semana. 

A operação coletou amostras para análises de pescado, camarão, azeite, sardinha em lata, além dos tradicionais ovos de páscoa. São produtos embalados e previamente pesados.

"Estes produtos tem o consumo elevado durante o período da Semana Santa. A fiscalização atende a uma determinação do Inmetro com o objetivo tanto de proteger quanto o de alertar o consumidor. Nós observamos se o peso do produto corresponde ao que está descrito na embalagem", explica o presidente do Inmeq-MA, Jones Braga.

De acordo com a chefe da Divisão de Pré-Medidos do Inmeq-MA, Camila Renata Ferreira dos Santos as análises de algumas amostras coletadas de pescados, inclusive o bacalhau, apresentaram peso diferente do número informado na embalagem. As análises foram feitas no próprio estabelecimento, utilizando a balança do órgão. No caso dos ovos de páscoa, a análise das amostras coletadas é realizada em laboratório.

Esta operação Semana Santa foi realizada em todo o país por orientação do Inmetro. Além desta operação, o Inmeq-MA, órgão delegado do Inmetro no Maranhão, realiza fiscalização normal diária. Denúncias podem ser feitas à Ouvidoria do Inmeq-MA pelo telefone 0800 071 8251.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.