quarta-feira, 30 de abril de 2014

POLÍCIA CIVIL INVESTIGA ACHADO DE CADÁVER EM SÃO LUIS

A Polícia Civil já instaurou o inquérito para apurar o homicídio que vitimou Claudiano Mariano de Aquino, 37 anos. O corpo da vítima foi encontrado, na manhã desta terça-feira (29), no Povoado Tinguiba, zona rural de São Luís. O caso está sob responsabilidade do 12° DP do Maracanã.

Segundo o delegado titular do 12º DP, Newton Belo, denúncias anônimas informaram que havia um corpo enterrado em estado de decomposição dentro de um poço artesiano desativado, em um sítio, no Povoado Tinguiba, em São Luís. Ao chegar ao local, investigadores identificaram que o cadáver era de Claudiano. O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML), onde deverá ser periciado.

Entenda o caso
De acordo com a polícia, Claudiano trabalhava na funerária Bom Jesus, que está localizada na Vila Flamengo. Segundo informações policiais, no dia 20 fevereiro deste ano, explicou o delegado Newton Belo, Claudiano saiu para trabalhar e não retornou mais.

Já no dia 28 de fevereiro, familiares registraram um Boletim de Ocorrência na Delegacia Especializada da Cidade Operária (Decop) informando o desaparecimento de Claudiano.

Segundo informou a delegada titular da Decop, Ana Cláudia dos Santos, a princípio foi instaurado um inquérito para apurar um suposto crime de sequestro. Ainda de acordo com a polícia, o sítio é de propriedade dos tios do dono da funerária a qual Claudiano trabalhava.

A motivação do homicídio ainda é desconhecida. Mas a Policia Civil já instaurou um novo inquérito para apurar as causas do crime.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.