sexta-feira, 25 de abril de 2014

POLÍCIA CIVIL PRENDE, EM PALMAS, FORAGIDO DA JUSTIÇA DO MARANHÃO

Ele é foragido da Justiça do Maranhão onde possui sentença condenatória pela prática do crime de tráfico de drogas, fato ocorrido no ano de 2010 no município de João Lisboa.     
De acordo com informações do Delegado, Reginaldo de Menezes Brito uma viatura da Polícia Militar realizava patrulhamento de rotina nas imediações do Setor Taquari, região Sul da Capital, quando os policiais receberam uma denúncia anônima de que Marcos seria o autor de um furto de um carregamento de madeira. Ao passar por uma das ruas do Bairro, a PM localizou o acusado que foi então, conduzido à Central de Flagrante da Polícia Civil onde os agentes plantonistas efetuaram o levantamento da vida pregressa do homem e descobriram que o mesmo era foragido da Comarca de João Lisboa - MA. 
A ocorrência foi repassada a equipe da Polinter que deu continuidade aos trabalhos investigativos e, em contato com a Polícia Interestadual do Maranhão, foi confirmada a existência do referido mandado de prisão em desfavor do acusado, sendo uma cópia da ordem judicial enviada para a PC Tocantinense.       
Também foi apurado, posteriormente que o indivíduo já havia sido preso pela Polícia Civil, em Palmas, no ano de 2010.        
Na época, ele foi recambiado para o presídio de Pedrinhas, em São Luís, de onde fugiu para Palmas onde levava uma vida normal, trabalhando como segurança de eventos e também efetuando cobranças de dívidas para algumas empresas da Capital. Gordo também possui um mandado de prisão oriundo da Comarca de Curionópolis, PA, onde é acusado de manter um relacionamento com uma menor de idade.        
 Ele ficará a disposição do Poder Judiciário até que seja recambiado novamente para o Maranhão, onde deverá responder pelos crimes dos quais é acusado.        
 Para o Delegado, a prisão de mais um foragido da Justiça representa mais segurança e tranqüilidade para a população, uma vez que o homem é considerado de alta periculosidade. Reginaldo de Menezes também ressaltou a importância da integração das ações desenvolvidas, entre a Polícia Civil e a Militar, que têm resultado em inúmeras prisões de procurados pela Justiça, na Capital e nos demais municípios do Estado, fazendo com que a sensação de segurança seja constante.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.