sexta-feira, 11 de abril de 2014

Traficantes são presos em Coroatá

Uma equipe de investigadores da Delegacia de Coroatá, coordenados pelo delegado Samuel Antônio Morita Nocko, prendeu dois suspeitos de traficar drogas. A ação foi deflagrada na quarta-feira (9). Iran da Silva, 27 anos, conhecido como Long Dong, e Francisco de Assis, 18 anos foram presos na residência de Iran, na Rua da Paz, bairro Americanos, depois de denúncias anônimas e investigação da Polícia Civil.

Com eles, os policiais apreenderam 7 pedras de crack. A dupla foi conduzida à delegacia do município. Enquanto o delegado Samuel realizava lavrava o flagrante no distrito policial, um investigador informou que um homem estava desenterrando uma pedra de crack no quintal da casa de Iran.

A equipe retornou ao local, mas o suspeito conseguiu dispersar a droga no rio, que passa nos fundos da residência e fugiu. Na delegacia, os traficantes confessaram que havia 1 pedra  de crack, que pesava aproximadamente 0,5 kg de crack, enterrada no quintal da casa, mas não disseram o nome da pessoa que jogou a droga no rio. Iran também relatou que tinha um revólver calibre 38 em casa.

A dupla foi autuada em flagrante delito pelos crimes de tráfico de drogas e Associação para o tráfico. Iran também foi autuado por Posse Ilegal de arma de fogo. Os procedimentos foram lavrados pelo delegado Samuel Antônio Morita Nocko.


O delegado informou que os dois autuados estavam em liberdade condicional. Iran da Silva pelo crime de Receptação e Francisco de Assis pelo crime de Roubo. Os dois estão custodiados na delegacia de Coroatá à disposição da Justiça.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.