quarta-feira, 30 de abril de 2014

Vítimas do acidente em Bacuri são removidas para o Hospital Geral

Quatro pessoas vítimas do acidente ocorrido nesta terça-feira (29), no município de Bacuri, foram removidas, por helicópteros do resgate aéreo estadual, para o Hospital de Alta Complexidade Tarquínio Lopes Filho (Geral), em São Luís. São três adolescentes e um adulto, que logo após o acidente foram transferidos para os hospitais de Cururupu e Pinheiro, mas necessitavam de assistência mais especializada.
O Governo do Maranhão, por meio das secretarias estaduais de Saúde (SES) e Segurança (SSP), enviou de imediato, para socorro às vítimas, equipes do Corpo de Bombeiros, do Serviço Móvel de Atendimento de Urgência (Samu), das polícias Militar e Civil, além de mobilizar profissionais de saúde de Pinheiro, Cururupu e outros municípios vizinhos a Bacuri.

Nas primeiras horas desta quarta-feira (30), cinco helicópteros foram deslocados para a região, sendo que três para transportar quatro pacientes graves (três que estavam no hospital de Cururupu e um no hospital de Pinheiro) para o Hospital de Alta Complexidade Tarquínio Lopes Filho (Geral). Outras duas aeronaves levaram para Bacuri, dois bombeiros especialistas em situação de crise, um médico psiquiatra e psicólogos para dar assistência a familiares e amigos das vítimas do acidente.
 Boletim
A estudante Ellen Cristina Monteiro Garcia deu entrada no Hospital Geral com quadro de politrauma, realizou exames laboratoriais, tomografia (que não evidenciou nenhuma lesão neurológica e visceral) e raio-x (que não mostrou fratura). No momento, encontra-se estável, acordada e consciente, mas ainda sem previsão de alta.
A também estudante Aline Silva foi recebida com quadro de politrauma e realizou exames laboratoriais, de raio-x e tomografia. Encontra-se estável, sonolenta, com rebaixamento do nível de consciência.

Dois pacientes estão internados na UTI do Hospital Geral: Amanda Sales Lopes, que sofreu politrauma com traumatismo craniano, encontra-se em estado grave, mas acordada, respirando espontaneamente e sob observação. O paciente Rogério Azevedo Rocha também sofreu politrauma com traumatismo craniano, está em estado gravíssimo, foi submetido a tratamento neurocirúrgico na manhã desta quarta-feira (30), segue entubado, sob ventilação mecânica e com hemodinâmica estável.
Todos os pacientes estão sendo acompanhados pela equipe de neurocirurgia e cirurgia geral do Hospital de Alta Complexidade Tarquínio Lopes Filho.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.