sábado, 24 de maio de 2014

6º Batalhão, em conjunto com outros órgãos, realiza operação de segurança na Cidade Operária e adjacências


Com o objetivo de garantir a tranquilidade noturna dos cidadãos da região da Cidade Operária e localidades vizinhas, o 6º Batalhão de Polícia Militar, em conjunto com outros órgãos estaduais e municipais, realizou na noite de sexta (23) uma grande operação conjunta de segurança.

A ação, que teve início às 22h, contou com a participação do Corpo de Bombeiros, da Blitz Urbana, da Guarda Municipal, de agentes da Secretaria Municipal de Trânsito e Transportes (SMTT), dos Conselhos Tutelares da Cidade Operária e Cidade Olímpica, além de agentes da Polícia Militar.

De acordo com o major Aritanã, comandante da operação, o trabalho é uma determinação do coronel Zanoni Porto, sendo realizada nos fins de semana, e tem por meta “garantir o lazer tranquilo e saudável da comunidade durante a noite, garantindo assim segurança para quem frequenta estabelecimentos noturnos”.

A operação faz uma ronda por locais de grande concentração de pessoas como bares, casas de shows e praças públicas, fiscalizando estabelecimentos e agindo na prevenção de crimes. A atuação se desenvolve em diversas frentes, como por exemplo: combate às drogas, verificação de menores em locais inapropriados e revista de carros e pessoas suspeitas.

Antes da operação se efetivar, uma reunião preparatória é realizada entre os órgãos envolvidos, para se delimitar a área de atuação e atribuições competentes para cada entidade. Logo a seguir, as tarefas são divididas e a ação tem início.

Entre os populares, a operação foi recebida com bons olhos. A trabalhadora autônoma Olivânia Nunes, de 34 anos, disse que o trabalho é fundamental para a segurança da população: “a ação que está sendo realizada aqui é muito importante, a gente costuma ouvir relatos de insegurança na nossa região, mas com a polícia nas ruas a gente se sente mais segura. Então é um trabalho muito bom”, disse.

As operações conjuntas de segurança noturna duram em média seis horas, mas podem se prolongar enquanto for necessário, e serão realizadas pelos próximos finais de semana para garantir a tranquilidade e coibir crimes.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.