sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Governo abre seletivo de 100 vagas para bombeiros reservistas

Para ampliar as ações de prevenção, combate a incêndio, busca, salvamento, atendimento pré-hospitalar e atividades de defesa civil em toda região metropolitana de São Luís, o Governo do Estado do Maranhão abriu processo seletivo com 100 vagas de Oficiais e Praças da Reserva Remunerada do Corpo de Bombeiros Militar do Maranhão (CBMMA), que irão atuar diretamente nos serviços administrativos da corporação.

A convocação desses militares é mais uma medida emergencial anunciada       pelo governador Flávio Dino, que desde que assumiu a administração estadual, tem tratado a segurança pública como prioridade. Com isso, o Corpo de Bombeiros terá condições de oferecer um reforço maior de homens nas ruas, não só na capital maranhense, como também nos municípios de São José de Ribamar, Raposa e Paço do Lumiar, já que os reservistas substituirão os bombeiros da ativa que atualmente precisam desempenhar atividades administrativas, devido à falta de quadro.

O comandante geral do CBMMA, coronel Célio Roberto Araújo, explicou que, com a chegada desses militares, a corporação terá condições de melhor atender à população, com uma presença mais forte nas ruas e nas operações do sistema de segurança. “Vamos ter um contingente maior nas ações de rua, empregado nos trabalhos de atendimento e prevenção, bem como nos serviços integrados com as Polícias Civil, Militar e outros órgãos parceiros. É uma medida que vai garantir mais segurança a todos os maranhenses”, afirmou.

Do total de 100 vagas que estão sendo oferecidas, 45 são para o quadro de oficiais e 55 de praças. Os interessados poderão se inscrever até o dia 27 deste mês. A seleção dos candidatos será feita em duas etapas. A primeira consiste na análise dos documentos que o candidato deve apresentar juntamente com o requerimento, que são: carteira de identidade militar; contra cheque; CPF; comprovante de residência; e o ato, do Diário Oficial ou Boletim Geral, que consta a transferência para a reserva remunerada, além das certidões negativas da Justiça Federal, Estadual e Militar.

Já a segunda fase é a avaliação de saúde física. Para isso, o interessado deve apresentar os exames de Teste Ergométrico com laudo cardiológico e glicemia em jejum.  A organização do seletivo está sob a responsabilidade da Diretoria Pessoal e Finanças do CBMMA. A relação com os nomes dos militares aptos e selecionados será divulgada no mês de março.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.