quinta-feira, 12 de março de 2015

"BBB 15": Eliminado, Luan será ouvido pela polícia mesmo assumindo que mentiu sobre homicídio

TV Globo "BBB 15": Eliminado, Luan será ouvido
pela polícia mesmo assumindo que mentiu sobre homicídio
Luan precisará dar explicações à Polícia Civil por conta de uma de uma das histórias que contou na casa do "Big Brother Brasil 15".
A assessoria de imprensa da polícia informou que o ex-BBB terá que prestar esclarecimentos na Delegacia de Homicídios do Rio, na próxima semana, sobre o caso onde teria matado um menor de idade no Complexo do Alemão quando servia ao Exército.
Assim que deixou o programa, o carioca afirmou que inventou a história para se promover. "No calor do jogo, eu acabei inventando. Foi questão de me sobressair, de ter destaque entre os outros", confessou.
Durante o reality, o ex-militar, Luan relatou o episódio em duas ocasiões. A primeira foi poucas horas após o início do confinamento em conversa com Marco.
"Eu fiquei na linha de tiro embaixo, de rifle, dando cobertura para quem estava subindo. Acho que ele era mais novo do que eu. Eu estava com 19, ele devia estar com 16", comentou.
Dias depois, o rapaz voltou a contar a história para Marco, Adrilles e Mariza. "Quando eu atirei nele, acertei um tiro na cabeça dele e ele caiu, eu tremia. Não só de adrenalina, mas de nervoso por ter matado a primeira pessoa na minha vida."
Na época, o Exército negou que Luan tenha feito parte da tropa que fez incursões na favela carioca.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.