quarta-feira, 28 de setembro de 2016

Polícia Civil combate cultivo de maconha no interior do Maranhão


Com o objetivo de localizar e erradicar plantações de maconha, a Secretaria de Estado da Segurança Pública (SSP), por meio do Centro Tático Aéreo (CTA) e a Superintendência Estadual de Repressão ao Narcotráfico (Senarc) deflagraram entre os dias 23 e 25, a ‘Operação Tarim’ nos municípios de Centro do Guilherme, Maracaçumé e Centro Novo.

Segundo o comandante do CTA, coronel Ismael Fonseca, nos dias 23 e 24, na região de Centro do Guilherme, foram localizadas três plantações de cultivo de maconha, dívidas em 20 roças. Na ocasião, foram erradicados e incinerados 60 mil pés de maconha. No domingo (25), na região de Maracaçumé foi encontrada uma plantação, divida em duas roças, onde foram erradicados e incinerados, aproximadamente setenta mil pés de maconha.



Durante toda a ‘Operação Tarim’ foram incinerados 130 mil pés de maconha, o que equivale a duas toneladas de drogas que abasteceriam o crime organizado. De acordo com o Ismael Fonseca, materiais usados também no cultivo dessas plantações, tais como poços artesianos, bombas e sistemas de irrigação, também foram apreendidos durante a operação. A Senarc dará início às investigações para identificar os donos das plantações.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.