terça-feira, 6 de setembro de 2016

SEMA intensifica vistorias em lixões da Ilha e interior do Estado



Fonte: Ascom / Sema

A Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Recursos Naturais (SEMA) intensificou no mês de agosto as atividades de vistoria em lixões, tanto na Ilha quanto no interior do Estado. Tais atividades devem-se ao cumprimento à Lei Federal nº 12.305/2010, que dispõe sobre os princípios, objetivos e instrumentos, bem como sobre as diretrizes relativas à gestão integrada e ao gerenciamento de resíduos sólidos, incluindo os perigosos. 

No decorrer do mês a equipe da Superintendência esteve nos municípios de São José de Ribamar (Ilha do Maranhão), Axixá, Primeira Cruz, Igarapé Grande e Bacabal (no interior do Estado) com intuito de remapeamento das áreas de disposição final dos resíduos, uma vez que um dos objetivos da Política Nacional dos Resíduos Sólidos é a não geração, redução, reutilização, reciclagem e tratamento dos resíduos sólidos, bem como a disposição final ambientalmente adequada dos rejeitos.

De acordo com a equipe, o lixão de Primeira Cruz encontra-se em local longe de residências, porém, no entorno de vegetação. “Algo que se tem observado nas vistorias é que nos lixões geralmente são encontrados os mesmo tipos de resíduos: os resistentes à biodegradação, os domiciliares, comercial, construção civil, poda e varrição, eletroeletrônicos, sacos e vasilhames de plásticos diversos, caixas de papelão, estruturas metálicas e penas de aves de locais de ‘feiras e mercados’, além de todos serem jogados sobre o solo, sem nenhum tipo de tratamento ou seleção”, destacou a Superintendente de Gestão de Resíduos da SEMA, Ticianne Andrade.

Ainda de acordo com a Superintendente, mais vistorias serão realizadas com intuito de se ter um panorama geral da situação dos lixões no Estado do Maranhão, assim como, georreferenciá-los, cujo objetivo é a atualização dos dados existentes na Secretaria como também, obter outras informações em parceria com as prefeituras municipais.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.