quinta-feira, 27 de outubro de 2016

Policiais Militares do 10º Batalhão prendem foragido da justiça



Por Cabo PM Paulo ASCOM SSPMA

Na tarde da ultima quarta feira  (25) policiais militares do 10º Batalhão prenderam Wellington Silvestre dos Santos, vulgo “Chaves” ou “Júnior Alagoano”, na cidade de Santa Helena. O mesmo foi indiciado pela morte de 3 conselheiros tutelares e uma senhora de 62 anos no município de Poção, estado de Pernambuco, o crime ocorreu em fevereiro do ano passado.

Wellington era considerado foragido de justiça e procurado pelo Disque- Denúncia do estado mencionado anteriormente.

Ao tomarem conhecimento através de um informe, juntamente com a foto do procurado, que Wellington Silvestre estaria armado, pilotando uma moto modelo CB 300 de cor preta e placa OXY 5816 indo em direção a cidade de Pinheiro, policias militares da cidade de Santa Helena iniciaram rondas com o objetivo de prender o mesmo que ao avistar a viatura empreendeu fuga.

Ao persistirem nas buscas pela região, mais precisamente nas proximidades do povoado Pataqueira, a guarnição conseguiu localizar o foragido, bem como dar voz de prisão ao mesmo. No momento em que ele foi questionado pela arma, confessou que possuía um revólver de marca Rossi, n° J 141420 contendo 5 (cinco) munições intactas e que se encontrava embaixo do banco da motocicleta. 

O conduzido, juntamente com o revólver e a motocicleta apreendidos foram apresentados na Delegacia Regional de Pinheiro para que fossem tomadas as medidas judiciais cabíveis.


Coletiva de Apresentação


Na tarde de hoje (26) aconteceu coletiva de apresentação no Salão Azul do Quartel do Comando Geral da Polícia Militar com a participação do Comandante Geral, Coronel José Frederico Pereira, o Superintendente Adjunto de Polícia Civil do Interior, delegado Jallingson, o Comandante do 10º Batalhão, Tenente-Coronel Osmar, o Tenente Albatênio, oficial responsável pela operação que logrou êxito na prisão do conduzido e órgãos da imprensa local.  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário será avaliado e liberado posteriormente.

Obrigado pela sua participação.